Conhecido como o Menino da Tábua, Antônio Marcelino é uma personalidade religiosa de devoção popular brasileira que faleceu na cidade de Maracaí - SP.  Vítima de uma doença que o impedia de andar e restringia seu crescimento, passou a maior parte da sua vida deitado sobre uma tábua de lavar roupa. Para se alimentar consumia apenas leite e água, não gostava de usar roupas e não deixava que forrassem sua tábua. Também se diz que nunca saía de casa e jamais viu a luz do sol.




 Ainda em vida acredita-se que o Menino da Tábua realizou vários milagres, como a cura de pessoas enfermas, e graças alcançadas por sua misteriosa intercessão. Antônio Marcelino faleceu no ano de 1945 e foi enterrado junto com sua tábua.




Devoção popular

Logo depois da morte de Marcelino, seu túmulo se tornou o destino de romeiros vindos de todo Brasil que pediam sua ajuda. Uma capela foi construída com a "sala de milagres", onde ficam expostas fotos, objetos e presentes que a ele são dedicados como forma de agradecimento. Durante todos os dias do ano centenas de visitantes prestam suas homenagens no Cemitério Municipal de Maracaí, onde é localizada a Capela e, no último domingo do mês de agosto de cada ano, se comemora a data de aniversário de morte do “santo popular”.    



  

Nesta data em especial, mais de 50 mil romeiros e turistas se dirigem ao município de Maracaí para prestar homenagens a Antonio Marcelino, o Menino da Tábua, em uma das maiores festas turístico-religiosas do Brasil.






Música

Parte da popularidade alcançada pelo milagreiro se deve às canções gravadas pela dupla sertaneja Pardinho & Pardal.

Em 1978 eles gravarama música "O Menino de Tábua", a primeira de uma trilogia que aindateria outras duas canções: "Os Milagres do Menino da Tábua" e "A Capela do Menino da Tábua".




Mais fotos: http://maracai.sp.gov.br/galeria/#prettyPhoto[12]/0/

Galeria de fotos